Aparelhos Dentários  Smile.up

Agende a sua consulta e garanta sorrisos alinhados para toda a família!

Aparelhos Dentários Smile.up

Agende a sua consulta e garanta sorrisos alinhados para toda a família!
ortodontia.webp

Aparelho Dentário Fixo

Os aparelhos dentários corrigem problemas de desalinhamento dentário e oclusão. Existem várias soluções de escolha no uso dos aparelhos dentários fixos, tendo em conta a cor, o formato e os materiais usados, para que possa optar pela solução funcional e estética que mais se adequa às suas necessidades e preferências.

ortodontia_2.webp

Aparelho Dentário Invisível

Os aparelhos dentários invisíveis (ou alinhadores invisíveis) são uma alternativa aos aparelhos dentários fixos. O tratamento consiste na aplicação de goteiras transparentes e personalizadas que se adaptam aos seus dentes. São vulgarmente conhecidos por Invisalign, a marca de aparelhos dentários invisíveis mais conhecida do mercado.

Crianças podem usar aparelho dentário invisível
Crianças podem usar aparelho dentário invisível? Saiba aqui!
Quando se trata do cuidado ortodôntico das crianças, os aparelhos dentários invisíveis tornam-se a opção mais discreta e confortável para solucionar problemas como o desalinhamento dentário (ou dentes tortos), mordida cruzada ou aberta.
Ler mais >
5 Dicas para Cuidar dos Alinhadores Invisíveis
5 Dicas para Cuidar dos Alinhadores Invisíveis
Conheça algumas dicas para cuidar dos seus alinhadores invisíveis e garantir que permanecem limpos, confortáveis e eficazes durante todo o tratamento.
Ler mais >
Aparelho de contenção após tratamento com alinhadores invisíveis
O aparelho de contenção é crucial no tratamento com alinhadores invisíveis, garantindo que os resultados obtidos e o sorriso bonito e saudável se mantêm por muitos anos.
Ler mais >

Marque a sua consulta de Aparelhos Dentários

Marque a sua consulta de Aparelhos Dentários

previous arrowprevious arrow
Slide

«Muito bem entregue. Coloquei o meu aparelho dentário na Smile.up e estou muito satisfeita. O atendimento é espetacular e as funcionárias muito simpáticas.»
Tânia Filipe
Smile.up Caldas da Rainha

«Parabéns para toda a equipa da Smile.up que me tratou com muito carinho. Um trabalho 5 estrelas. Grata por tudo o que fizeram por mim.»
Liliana Carneiro
Smile.up Paredes

«Recomendo totalmente. Tudo perfeito! Desde os tratamentos ao atendimento de todos os que lá trabalham. Obrigada a todos pelo vosso trabalho.»
Margarida Cardoso
Smile.up Madeira

Slide

«Coloquei alinhadores invisíveis e estou bastante satisfeito com a forma como fui atendido por todos os profissionais da Smile.up.»
Miguel Oliveira
Smile.up Espinho

«Coloquei aparelho dentário na Smile.up, com um plano de pagamento acessível e tudo incluído. A melhor coisa que fiz.»
Carla Gouveia
Smile.up Aveiro

«Tive um atendimento de excelência e uma avaliação muito profissional sobre a minha evolução dentária.»
Francisco Orta
Smile.up Campo de Ourique

next arrownext arrow

Andrii Sydor tem 22 anos, mora na Figueira da Foz e trabalha num restaurante. Desde pequeno, tinha os dentes desalinhados e apinhamento dentário. Procurou a clínica Smile.up da Figueira da Foz, onde lhe aconselharam o tratamento ortodôntico invisível.

Ver mais >

Daniela não se sentia confiante com o seu sorriso, tinha pequenas incorreções e um desalinhamento dentário, o que interferia na sua vida profissional e pessoal.

Ver mais >

 

Susana Teodoro tem 26 anos, e é cabeleireira e criadora de conteúdos nas redes sociais. O seu trabalho exige uma presença cativante e o sorriso era algo que a incomodava.

Ver mais >

Pany Varela tem 33 anos, é natural de Cabo Verde e cresceu no concelho de Vila Franca de Xira. É jogador profissional de futsal e campeão mundial de futsal pela seleção nacional.

Ver mais >

Para além de afetar a estética do sorriso e potenciar a má oclusão, quando a posição dentária não é adequada, a limpeza dos dentes torna-se mais difícil, sobretudo nos espaços interdentários. Como consequência, há uma acumulação dos resíduos alimentares em forma de placa bacteriana que pode desencadear doenças periodontais, gengivites, bruxismo, problemas nas articulações das mandíbulas e rotura de dentes, dificuldades na mastigação e na fonética.

Os aparelhos dentários apresentam benefícios a nível funcional e estético. A nível estético, há uma visível melhoria e harmonia das feições do rosto devido à abertura do sorriso. A nível funcional, permite um melhoramento da mastigação e da fonética. O correto alinhamento dos dentes facilita a higienização, diminuindo o risco de placa bacteriana e surgimento de doenças da cavidade oral.

O aparelho dentário é personalizado e adaptado à boca do paciente de forma a ser o mais confortável possível, contudo, na primeira consulta de colocação do aparelho, bem como nas consultas de rotina para fazer o aperto, é comum que o paciente apresente um desconforto temporário, que dura cerca de 2 a 3 dias.

Em alguns casos, podem surgir pequenas feridas e inflamações que causam desconforto, resultantes do atrito dos brackets e do fio metálico contra o tecido interior da boca. No entanto, existem produtos que evitam o problema e ajudam a atenuar a dor.

Para a colocação dos aparelhos, pode haver necessidade de extração de dentes, nomeadamente dos dentes do siso, de forma a criar espaço para os dentes, ao alinharem, ocuparem o seu devido lugar. Contudo, a falta de espaço e a presença de dentes desalinhados não é por si só determinante para a indicação de extração de dentes. A necessidade de extrair dentes é avaliada em função da gravidade da falta de espaço, mas também em função do tipo facial e ósseo do doente.

Com a colocação do aparelho dentário, há uma maior tendência para a acumulação de tártaro e surgimento de cáries, que se evita com uma escovagem cuidada e frequente (após as refeições) com a utilização de uma escovas de cerdas suaves, uso de fio dentário e escovilhão para que nenhum espaço da boca escape à higienização.

Visitas regulares ao seu médico dentista também são recomendadas, para que seja feita uma boa manutenção e controlo do aparelho.

Existem ainda certos alimentos que deve evitar para garantir o sucesso do tratamento, como:
Alimentos duros que podem ficar presos no aparelho ou partir as brackets:
⦁ frutos secos (nozes, avelãs)
⦁ tostas
⦁ côdea de pão
⦁ pipocas

Alimentos pegajosos que também se prendem com facilidade ao aparelho dentário. No entanto, o açúcar contido nestes alimentos é o que mais prejudica o tratamento, uma vez que se ficar alojado no aparelho pode potenciar o desenvolvimento de cáries:
⦁ Pastilhas elásticas
⦁ Caramelos
⦁ Rebuçados

Alimentos com muita fibra também são desaconselhados por originarem cáries e inflamações nas gengivas:
⦁ manga
⦁ ananás
⦁ carne
⦁ bacalhau

Refrigerantes: devido ao alto teor de açúcar potenciam o surgimento da placa bacteriana.

O aparecimento de cáries ou aumento da placa bacteriana podem surgir com facilidade pelo facto do aparelho dentário dificultar a higienização. Contudo, com os devidos cuidados, é possível ter uma boa higiene oral e prevenir determinadas complicações.
São recomendadas escovagens regulares, após as refeições, com uma escova de cerdas macias, bem como a passagem de fio dentário e uso escovilhão, para que possa alcançar ao máximo as zonas por entre os brackets do aparelho.

O aparelho dentário tem vantagens estéticas e funcionais que vão melhorar a qualidade de vida, no entanto, o aparelho dificulta a escovagem correta dos dentes, podendo originar cáries, doenças e infeções quando não são tomadas as devidas precauções.
Escove bem os dentes e a língua
Use uma escova adequada ao seu tipo de dentição e escove suavemente dos dentes durante, pelo menos, dois minutos. E não se esqueça de lavar a língua, que é onde se acumula a maior parte dos resíduos com bactérias. No fim, use o elixir oral para eliminar por completo as bactérias.
Utilize a escova correta
A escova convencional é sempre uma boa opção. Contudo, pode optar por uma escova ortodôntica ou de cerdas macias para ter uma maior eficácia.
Procure trocar a escova de 3 em 3 meses.
Use escovilhão e fio dentário
O escovilhão e fio dentário são essenciais para limpar as partes da boca que a escova não consegue alcançar. Estes instrumentos eliminam bactérias e pedaços de comida que permanecem mesmo após a escovagem dos dentes.

A prática regular de atividade física é aconselhada para obter um estilo de vida saudável e a utilização do aparelho dentário não é um impedimento. No entanto, há certos desportos, como os de contacto, que exigem alguns cuidados adicionais.
O aparelho dentário, por si só, não atrapalha a prática da atividade física, mas a probabilidade de haver lesões na boca aumentam no caso de haver impacto da mucosa com as peças do aparelho. Para evitar essas situações, poderá ser necessária a utilização de protetores bucais durante a prática desportiva.
A utilização destes protetores deve ser avaliada e indicada pelo médico dentista.
Em contrapartida, o paciente pode optar pelo aparelho dentário lingual. Nesta opção, os brackets são colocados na superfície interior dos dentes, desempenhando a mesma função que o aparelho tradicional, mas de forma praticamente invisível. 

Qualquer pessoa pode usar aparelho dentário. No entanto, se é certo que fumar é prejudicial para a nossa saúde em geral, a saúde oral não é exceção.
Os dentes que ficam em contato mais direto com as substâncias tóxicas do cigarro são os primeiros a sentir os efeitos negativos deste vício. Para além disso, as substâncias presentes no cigarro diminuem a vascularização dos tecidos moles que envolvem os dentes, diminuindo a capacidade de nutrição e proteção.

A colocação prévia de implantes dentários não impede a colocação de um aparelho dentário.
O implante é um dente fixo que, uma vez instalado, a sua posição não pode ser alterada. Logo, desde que o médico dentista faça um plano adequado a esse pormenor, o tratamento não deixa de ser possível.
Quando bem colocado, a presença de um implante pode até ser benéfica para o tratamento ortodôntico, podendo servir de apoio para puxar os outros dentes.

Após retirar o aparelho dentário, os dentes podem voltar ao seu estado anterior, dependendo de fatores comportamentais ou condutas profissionais.
O nosso organismo é flexível e adapta-se às mudanças que forem ocorrendo, se o aparelho for retirado precocemente, existe a possibilidade de voltar ao que estava devido à falta de contenção suficiente.
Por esta razão, depois de removido o aparelho dentário, o paciente deverá utilizar um aparelho de contenção, que serve para restringir quaisquer movimentações dos dentes e manter o alinhamento.

O valor dos implantes dentários varia de caso para caso, tendo em conta o tipo de tratamento e a duração, a idade do paciente, doenças ou problemas associados, entre outros fatores. Por essa razão, é necessário avaliar primeiro o estado de saúde oral do paciente.

A fase ideal para iniciar um tratamento de ortodontia é na infância, a partir dos 6 anos, uma vez que ossos estão em desenvolvimento, os dentes em crescimento e a mandíbula em formação, facilitando o movimento e alinhamento dos dentes e evitando o surgimento de doenças futuras.
Contudo, as últimas novidades em ortodontia permitem que se possa iniciar o tratamento em qualquer idade.

A duração do tratamento varia tendo em conta o caso clínico de cada paciente (a posição dos dentes, idade e resposta ao tratamento). Contudo, normalmente, o tratamento dura cerca de 2 anos.

Para saber se necessita de colocar aparelho dentário, é recomendado que faça uma avaliação oral prévia. O médico dentista determinará qual o melhor tratamento para si em função do diagnóstico.

O uso de aparelhos dentários pode melhorar a sua aparência física, potenciando a harmonia do rosto, bem como um sorriso aberto, limpo, alinhado e saudável.
Existem ainda outros tratamentos estéticos que podem servir de complemento ao aparelho dentário:
• Facetas dentárias: Corrigem defeitos de tamanho, cor e forma dos dentes.
• Branqueamento dentário: permite clarear a cor de base do dente e eliminar manchas derivadas do tabaco, café, entre outros.

A duração do tratamento varia segundo o caso clínico de cada paciente, como, por exemplo, a posição dos dentes, idade e resposta ao tratamento. Contudo, normalmente o tratamento dura cerca de 3 a 9 meses.

É essencial manter seus alinhadores dentários sempre limpos para evitar que os dentes fiquem com pequenas contaminações.
O processo de higienização é relativamente simples: é só passar por água morna e escovar suavemente com a sua escova de dentes e um pouco de pasta dos dentes. De seguida, deixar secar e colocar o aparelho novamente.

Os alinhadores transparentes podem ser utilizados por crianças a partir dos 6 anos de idade com dentes definitivos ou dentição mista (dentes decíduos ou dentes de leite).
Os alinhadores fazem a correção progressiva do posicionamento de dentes em crescimento, expandindo a arcada dentária e criando espaço para a entrada e desenvolvimento dos dentes permanentes.

A troca de alinhadores deve ser realizada semanalmente ou a cada 2 semanas, conforme orientação do médico dentista, sendo que cada alinhador deve ser usado entre 20 a 22 horas por dia.

Se perder ou partir um alinhador, deve informar de imediato o seu médico dentista.

Como todos os tratamentos ortodônticos, pelo facto de ser um objeto estranho na boca e que ocupa espaço, os alinhadores podem afetar temporariamente a fonética. Contudo, após cerca de 1 ou 2 semanas, a fonética é recuperada.

O preço do aparelho dentário invisível varia consoante o caso, mais concretamente, o tempo de duração do tratamento.

Porquê escolher a Smile.up 

Acesso automático a todas as clínicas do grupo sem necessidade de novo registo

Dispomos de facilidades de pagamento com a aprovação de um plano de  tratamento

Atendimento à hora do almoço e também em horário pós-laboral

Scroll to Top